Mobile: segundo meio em investimento de mídia no mundo.

11/05/18

O mobile está prestes a tomar o lugar da televisão como meio que mais recebe investimento. Em todo o mundo os valores de publicidade devem movimentar US$ 578 bilhões este ano – crescimento de 4% em relação ao ano passado, isso de acordo com a pesquisa da Zenith. Em 2018 o mobile deve receber 28% de todo montante de investimentos publicitários no mundo e perde apenas para TV com 31,4%.

Em meio a crises econômicas e cortes nos orçamentos de publicidade, a Zenith não encontrou evidências de que os anunciantes estão retirando seus orçamentos da publicidade on-line – de fato, sua participação nos gastos com propaganda global continua aumentando rapidamente. De acordo com esta pesquisa, os anunciantes gastarão 40,2% de seus orçamentos em publicidade on-line este ano, ante 37,6% em 2017.

Esse crescimento em gastos faz parte do processo mais amplo de transformação digital, pois os anunciantes investem em tecnologia, dados e inovação para revolucionar seus relacionamentos com os consumidores.

Em 2016, a MMA (Mobile Marketing Association) desenvolveu uma pesquisa em que conseguiu identificar que quando os investimentos no mobile eram otimizados, os ganhos eram superiores a 20% em brand metrics e de 7% a 60% em vendas; a Wendy’s estabeleceu um novo patamar ao atingir crescimento de 166% no tráfego em seus restaurantes aplicando 33% da verba de mídia em mobile.

Para o CEO da MMA, os anunciantes exigem métricas de ROI cada dia mais acuradas, por outro lado, de acordo com Stuart, ainda são utilizados métodos pouco modernos e eficientes para fazer a aferição do cross media – visibilidade, frequência, CTR – e para mensurar a real produtividade do investimento em marketing. Para Stuart, a questão é que o mobile tem se tornado tão complicado de medir que os velhos métodos não funcionam mais. “Em mobile temos vídeo, display, áudio, native, social e search. Não dá para dizer que vai medir mobile. É como dizer que vai medir mídia. Mas qual mídia?”.

Fontes: MMA 2018, Zenith e Meio e Mensagem