Google Trips App: O que isso impacta no mercado do turismo?

 Google Trips App: O que isso impacta no mercado do turismo?

Avançando ainda mais no mercado travel, o Google lançou, na semana do dia 20, sua nova e mais completa ferramenta de viagens. O Google Trips é um aplicativo, disponível para celulares Apple e celulares Android, onde você pode organizar toda a sua viagem.

Com o Google Trips você pode:
– Concentrar tickets de avião e reservas de hotel,
– Encontrar roteiros prontos mais comuns e lugares interessantes para visitar,
– Definir pontos turísticos que você deseja visitar e calcular as distâncias entre eles,
O aplicativo funciona totalmente offline, ou seja, você pode organizar suas viagens e utilizar o app durante seus passeios, enquanto estiver sem internet.
Aplicativo Google Trips e os impactos no mercado de turismo
Mas e agora, o que isso muda no mercado do turismo?
Seja por hotel, roteiros ou passagens aéreas, grande parte das buscas é realizada via smartphone, chegando a representar 71% das buscas por aluguéis de carro e 56% das buscas por hotéis. Logo, faz total sentido que o Google esteja lançando seu app, que é totalmente mobile friendly, para ajudar a rotina dos viajantes. O fato de lançar um app ao invés de um site é uma estratégia amplamente divulgada pelo próprio Google, que preza pela boa experiência dos visitantes mobile.
O Google Trips ainda não comercializa anúncios, isso é, todas as buscas dentro do app ainda são orgânicas. Ou seja, o app é uma excelente forma de se conectar e organizar viagens, mas ainda não comercializa hotéis ou passagens aéreas.
É importante, ainda, manter em mente que entre todas as buscas relacionadas a viagens feitas no Google, 68% são feitas por marca e 32% são genéricas. Logo, as buscas feitas por hotéis dificilmente migrarão para dentro do app. Sendo assim, é muito importante estar com as campanhas de branding ativas e o SEO do seu site atualizado, tendo em mente as etapas de compra e também o funil de conversão dos viajantes.
Resumindo: Se você ainda não possui um site e motor de reservas mobile, a hora é agora. O mundo nunca foi tão mobile e, com mais da metade das buscas por hotéis acontecendo nos celulares, não é interessante ter um site não adaptado. Não se esqueça também de trabalhar SEO para estar bem posicionado nas buscas orgânicas, além de links patrocinados, para estar presente em todos os momentos de busca do seu consumidor. Com esse “dever de casa” feito, não há com o que se preocupar.
Fontes: Think With Google e Google Trips

douglasgarcia96

Deixe uma resposta

Se inscreva para receber nossas novidades.
%d blogueiros gostam disto: